Sobre o Impeachment

MG_6926

Ah, a democracia!

Tão importante quanto o poder de escolher seus líderes é o poder de removê-los. Os direitos de cada cidadão, a opinião pública, o futuro da nação nas mãos da população, são conquistas de um valor enorme e indiscutível.

Mas, o que dizer de um país em que um político corrupto tem o direito (e se vê coberto de razão) em julgar a corrupção de outro político? Um país em que metade das pessoas mal sabe pronunciar “impeachment”, e a outra metade, usa o ato para benefício próprio e não da nação?

Levemos, sim, o impeachment para a frente, desde que bem estruturado, com bases concretas. É inimaginável que estejamos levando a sério esse jogo de empurra ou mesmo de vingança, onde Presidente da Câmara acolhe um processo contra a Presidente do país, apenas por ter sido rejeitado na brincadeira do partido.

Num país em que a política é admnistrada por crianças emburradas umas com as outras, o esconde-esconde é comum. Eu me escondo nos teus erros, você esconde crimes nos meus. Você pede a cassação do meu mandato, eu manobro criticando seu partido. A população pensa que estamos resolvendo alguma coisa.

E nada vai pra frente: a política, a democracia, o país, o impeachment..

 

— Jayane Condulo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s